FANDOM


Os companheiros caninos da Oráculo, Pryna e Umbra (respectivamente feminino e masculino), servem como cães mensageiros, levando mensagens entre Lunafreya e Noctis. Embora se manifestem como um par de filhotes brancos e negros, na verdade são mensageiros ostentando poderes místicos.
—Tela de carregando em Final Fantasy XV

Pryna é um cão mágico que pertence a Lunafreya Nox Fleuret em Final Fantasy XV. No curta Omen, Noctis Lucis Caelum persegue Pryna através de várias paisagens do sonho. Ela também aparece em Final Fantasy XV: Episode Prompto e Final Fantasy XV: Episode Ignis. Pryna e seu irmão Umbra são Mensageiros dos Astrais para a Oráculo. Ao longo de suas aparições ela entrega mensagens psíquicas e até visões do futuro.

DossiersEditar

Mensageira Divina que assume a forma de uma cadela branca. Este canino celestial é ferozmente dedicado a sua proprietária Lunafreya, seguindo cada palavra dela. Como um filhote, ela sofreu uma lesão em seu caminho para visitar Noctis na Cidade da Coroa. Por sorte, o jovem Prompto veio em seu socorro, e seu encontro casual se tornou o catalisador para o príncipe herdeiro forjar uma amizade que duraria uma vida inteira.

Perfil Editar

O outro cachorro de Lady Lunafreya, a irmãzinha da Umbra. Ela é branca e fofa. E é graças a ela que estou aqui agora.
—Prompto em Final Fantasy XV: Pocket Edition

Pryna é uma cadela branca com olhos azuis com marcas cinzas sutis no rosto. Como filhote durante os eventos de Brotherhood Final Fantasy XV, ela tinha uma cor mais bege. Ela tem uma bandagem verde ao redor da pata dianteira direita. Pryna e Umbra usam o mesmo modelo básico de cachorro em Final Fantasy XV, mas a bandagem de Pryna está na outra perna, e ela não tem os pelos grisalhos acima dos olhos como Umbra. Pryna não tem a correia nas costas porque ela não carrega o caderno dos namorados.

Pryna-fiery-eyes-Omen-FFXV

Pryna em Omen.

Os cães são caracterizados de maneira um pouco diferente em Brotherhood do que no resto do Universo de Final Fantasy XV. No primeiro, eles se parecem mais com animais reais, enquanto que em Omen e em Final Fantasy XV, suas aparições são frequentemente acompanhadas por fenômenos místicos. Enquanto a Umbra é associada a uma presença corpórea, transmitindo mensagens físicas entre Noctis e Lunafreya e literalmente transportando o jogador para retornar às áreas passadas do jogo, Pryna está associada a sonhos e visões. Ao longo de suas aparições em Omen e nos episódios em DLC, ela oferece mensagens psíquicas e até visões do futuro. Nesse sentido, Pryna e Umbra podem ser comparadas o yin-yang da filosofia chinesa, onde yin é o princípio negativo/passivo/feminino associado à lua, orientação e coisas ocultas, sinistras e sombrias. O yin é representado pela cor preta, mas o dualismo claro/escuro é representado invertido em Final Fantasy XV. O simbolismo yin e yang se estende a Lunafreya e Noctis, sendo Pryna o cão mais associado com o primeiro, enquanto que Umbra é mais frequentemente vista interagindo com Noctis.

HistóriaEditar

Alerta de spoiler: Detalhes sobre a história a seguir. (Pular seção)
Young Luna and Puppies

Pryna se reúne com Lunafreya e Umbra.

Em Brotherhood Final Fantasy XV Lunafreya envia Pryna para ver Noctis, mas ela machuca a perna. Ela é encontrada por Prompto Argentum, que a chama de "Pequenina" e cobre sua ferida com uma bandagem que tem seu nome nela. Pryna deixa Prompto uma noite e retorna para Lunafreya, que está muito feliz em vê-la. Ela aprende sobre Prompto, inspecionando a bandagem na perna de Pryna e escreve ao menino uma carta para lhe agradecer por cuidar de seu filhote.

Anos depois, Pryna e Umbra se encontram Lunafreya depois que ela escapa Insomnia. Mais tarde, Prompto observa que apenas a Umbra está fazendo entregas para eles, imaginando onde está Pryna. Gladiolus Amicitia especula que Pryna está viajando com sua dona, e Prompto fica melancólico quando sente falta do cachorro. Pryna está com Lunafreya quando Ravus Nox Fleuret a visita em Altissia.

Pryna-Episode-Ignis-FFXV

Pryna morre.

Lunafreya morre durante o despertar do Leviathã. Quando o amigo de Noctis, Ignis Scientia alcança o Altar da Mãe das Marés, onde seu corpo está, ele encontra Pryna, que cai no chão. Reconhecendo-o como o cão de Lunafreya, Ignis se aproxima dela e testemunha uma visão do futuro onde Noctis cumpre a profecia do Verdadeiro Rei sacrificando sua própria vida.

Quando Noctis visita Tenebrae, a terra natal de Lunafreya, ele descobre que Pryna morreu quando Lunafreya morreu, possivelmente com o coração partido de ter perdido sua dona. Dizem que Umbra está triste por ter perdido tanto sua dona quanto sua companheira.

Young-Prompto-and-Pryna-DLC-FFXV

Prompto se lembra de Pryna lhe trazendo uma carta de Lunafreya.

No Episódio do Prompto, Prompto lembra de Pryna lhe trazendo uma carta de Lunafreya lhe pedindo para apoiar Noctis e ser seu amigo. Quando ele vagueia sozinho pelos campos de neve, Pryna aparece para ele e o leva para um campo de tropas caídas onde Prompto deve simbolicamente se confortar, que encarna seus medos e inseguranças. Se este é a Pryna de verdade ou algo da imaginação de Prompto é ambíguo.

Os spoilers terminam aqui.

GaleriaEditar

Etimologia Editar

Pryna é galês e significa o verbo compra. No entanto, vendo como os nomes em Final Fantasy XV tendem a derivar do latim, a verdadeira etimologia pode ser pruina, que significa geada, condizente com seu pelo branco.

Umbra e Pryna podem aludir a Geri e Freki da mitologia nórdica, dois lobos que acompanham o deus Odin que às vezes são descritos como sendo de cor clara e escura.

A contraparte de Pryna é Umbra, cujo nome significa "sombra". Embora o nome de Pryna não signifique "luz", ela pode ser vista como representante para sua cor branca.

Alerta de spoiler: Detalhes sobre a história a seguir. (Pular seção)

Quando Lunafreya morre, diz-se que Pryna morreu ao lado dela, enquanto Umbra permanece no mundo mortal. Isso poderia aludir a luz desaparecendo do mundo e deixando apenas sombra, pois sem Lunafreya a Doença das Estrelas irá dominar Eos. Os cães também podem ser vistos como incorporando a dualidade yin-yang da filosofia chinesa, Pryna e sua presença mais sobrenatural representando o yin. Quando o sol nasce, e Umbra é o único cão visto cumprimentando o amanhecer.

Os spoilers terminam aqui.

Curiosidades Editar

Young-Noctis-Luna-Dogs-FFXV

Pryna em um flashback em Final Fantasy XV.

  • Em um flashback em Final Fantasy XV, o Noctis e Luna jovens conversam enquanto Pryna e Umbra estão no chão, nas proximidades. Os cães parecem adultos, mesmo que sejam filhotes em Brotherhood.
  • Umbra e Pryna aparecem com asas de anjo na ilustração de um livro de cosmogonia que o jovem Noctis tinha em Tenebrae. Em vez de aparecer fisicamente no mundo mortal, os deuses enviam servos leais para transmitir sua vontade divina ao Oráculo conhecido como Mensageiros ("anjos" na versão japonesa).
  • No trailer de Omen, Pryna leva Noctis através de uma jornada, embora mais tarde seja revelado que este era um cão demoníaco posando como Pryna.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.