FANDOM


FFXIII2 Olhos de Etro

Os Olhos de Etro.

Eu posso traçar a linha do tempo." "Eu vejo o futuro, e levo os outros pelo caminho correto.
— Paddra Nsu-Yeul

Os Olhos de Etro é a capacidade de ter visões de várias partes da linha do tempo, concedida aos seres humanos pela deusa Etro. É uma das características das encarnações de Paddra Nsu-Yeul, a vidente dos Farseer, que pode ter visões de qualquer momento da linha do tempo, em qualquer momento aleatório.

Aqueles que possuem os Olhos de Etro tem uma forte ligação com o Chaos, com Valhalla sempre sendo o coração da visão, e todo o tempo pode ser visto daí. Às vezes, quando um vidente tem uma visão um símbolo incandescente é colocado em seus olhos, supostamente o símbolo da própria deusa.

O dom funciona como uma maldição, uma vez que drena a força vital do vidente cada vez que ele tem uma visão, e se ela for forte o suficiente, o vidente irá morrer. O vidente sabe o momento de sua morte, mas, de acordo com a lei dos Farseer, é proibido mudar a história para salvar a si mesmo podendo arriscar a condenação de outros para futuros piores. Em Final Fantasy XIII-2 Ultimania Omega, é revelado que a vida útil do vidente encurta mais se o número de futuros possíveis cresce.

A novela Final Fantasy XIII-2 Fragments After revela que ao entrar em Valhalla, a alma de Yeul nunca irá desaparecer ao contrário das outras almas, e, tendo piedade dela, Etro envia Yeul de volta para o reino mortal com um novo coração para que ela não seja solitária. Yeul obteve os Olhos de Etro como um efeito colateral do seu renascimento. Lightning também pode ter visões, mas não sofre os efeitos colaterais letais como Yeul, supostamente porque a morte não existe em Valhalla, a permitindo ter visões sem o risco de morrer.

HistóriaEditar

Alerta de spoiler: Detalhes sobre a história a seguir. (Pular seção)

A vidente Yeul e os Farseer da nação Paddra em Yaschas Massif adoram Etro e a consideram a sua padroeira. Com os Olhos de Etro, Yeul levou o seu povo junto com as suas visões do futuro. Ela profetizou a destruição de Paddra, o que causou o caos entre as pessoas, com alguns querendo sair da cidade, enquanto outros lutavam entre si. A guerra civil aconteceu, Paddra caiu assim como Yeul havia visto, e os sobreviventes fugiram para os desertos de Gran Pulse, se tornando uma tribo nômade.

Em todas as gerações da tribo Farseer, uma menina com a mesma aparência, dotada dos Olhos de Etro, nasceria com o nome de "Yeul". Ela continuaria a agir como o líder do seu povo, implantando as suas visões em um Oracle Drive ou em seu Guardião até o momento de sua morte.

Após Lightning entrar no Templo da Deusa em Valhalla, ela vê através dos Olhos de Etro e testemunha momentos do passado e do futuro. As visões de Lightning a obrigam a ficar em Etro e servir Etro como o seu campeão.

Como resultado de Etro ter libertado ela e os seus amigos da estase cristalina no final de Final Fantasy XIII, Serah Farron ganha os olhos de Etro. Despertando após a queda do meteorito e saindo para fora, Serah vê uma versão futura de sua aldeia, Nova Bodhum, como um vazio em uma terra isolada.

Nas Ruínas Bresha em 5 AF, Serah tem mais duas visões quando ela olha pelo portal do tempo: o primeiro é de Ragnarok salvando Coccon, a segunda é de seu noivo, Snow Villiers e o Royal Ripeness. Em Sunleth Waterscape em 300 AF, Serah ouve a voz de Yeul e fala como se estivesse posuída, recitando a profecia de Yeul da queda de Cocoon. Ela tem uma outra visão onde Snow estava prestes a ser morto pelo Royal Ripeness.

Depois de Noel e Serah derrotarem o Proto fal'Cie Adam na Torre Augusta em 200 AF, ela tem uma visão de Caius golpeando Noel e o derrotando. Ela rapidamente cai inconsciente, mas Noel a acorda. Serah aprende sobre a natureza dos Olhos de Etro depois de falar com várias Yeuls na Sombra de Valhalla no Void Beyond. Depois que ela salva Noel de ficar preso para sempre em seu mundo de sonhos, Serah descobre que Yeul sabia que iria morrer com apenas 15 anos, e como as visões interferem no corpo da vidente. Apesar de saber que a morte espera por ela, Serah continua a sua jornada para salvar o futuro.

FFXIII2 Última Visão de Serah

A última visão de Serah antes de sua morte.

Depois de derrotar Caius em Valhalla e corrigir a linha do tempo, Serah e Noel voltam a Gran Pulse no ano de 500 AF. Após o portal para Valhalla se fechar, Serah tem uma visão e morre nos braços de Noel, momentos antes do Chaos de Valhalla sangrar no Novo Coccon e em todos em Pulse, tornando o mundo semelhante a Valhalla. Na seção Unsolved Mysteries ("Mistérios não Resolvidos") do Final Fantasy XIII-2 Ultimania Omega, é dito que, apesar da última visão de Serah ser desconhecida, se ela tem esperança de um futuro brilhante como Yeul, ela poderia ter tido uma visão de salvação.

Os spoilers terminam aqui.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.