FANDOM


Terra on Magitek Armour

Arte de Yoshitaka Amano de Terra montando uma Armadura Magitek para Final Fantasy VI.

Magitek (魔導, Madō?, lit. Magia), ou tecnologia mágica, é um avanço tecnológico recorrente na série Final Fantasy, tendo sido apresentado pela primeira vez em Final Fantasy VI, e consiste no uso da magia ou de energias similares para fazer máquinas e outros dispositivos funcionarem.

Em Final Fantasy VI, Magitek é o termo geral para a tecnologia energizada pela magia extraída à força de espers pelo Império Gestahliano. Em Final Fantasy XIV, Magitek refere-se aos dispositivos abastecidos por ceruleum do Império Garlean. Em Final Fantasy XV, é uma tecnologia usada pelo Império de Niflheim que envolve o uso de daemons. Em Final Fantasy Type-0 essa tecnologia é um resultado do Cristal do Tigre Branco.

Um subproduto comum de Magitek é a igualmente nomeada Armadura Magitek.

ApariçõesEditar

Final Fantasy VIEditar

Alerta de spoiler: Detalhes sobre a história a seguir. (Pular seção)
A Magitek foi inventada por Cid Del Norte Marquez, um engenheiro imperial. Usando um processo desconhecido, Cid descobriu como, forçosamente, extrair a magia dos Espers e aprimorar máquinas e seres humanos com energia mágica. Como primeiro experimento com Magitek, Cid infundiu Kefka Palazzo com magia, dando-lhe um grande poder, mas destruindo sua sanidade.

Experiências posteriores usaram um processo modificado, concedendo a magia ao sujeito, mas numa potência menor. Isso aumentou a utilidade do processo, e o império começou a criar muitas máquinas que podiam usar o poder Magitek. Isto conduziu à construção do Centro de Pesquisa Magitek na capital do império, Vector, onde espers têm seus poderes drenados e a máquinas e seres humanos são concedidas habilidades mágicas.

O principal uso de Magitek é na Armadura Magitek, marca registrada do império, que pode disparar feixes da energia mágica. Cavaleiros Magitek, seres humanos que receberam a capacidade de usar magia, também começaram a aparecer nos escalões imperiais com uma crescente frequência à medida que processos com Magitek se desenvolviam. Os animais ao redor do continente de Vector ficaram impregnados com magia, possivelmente do vazamento do Instituto de Pesquisa Magitek. Com seus exércitos usando a tecnologia Magitek, o império conquistou o continente do sul e tentou se estender para o norte, conquistando Doma e Figaro.

Após os Returners atacarem Vector, o Instituto de Pesquisa Magitek é danificado e os espers usados nas experiências se transformam em magicite. Os Returners levam as magicite, cortando o fornecimento de poder Magitek do império. Cid e Kefka descobrem pelos Returners que a magia ensinada pelas magicite é mais potente do que a magia extraída por Magitek. Assim, a fábrica é desmontada e, com a guerra se aproximando do fim, o uso de Magitek é amplamente interrompido já que Kefka e Gestahl optam pelo uso de magicite.

Depois do fim do mundo, o império é destruído, mas a Torre de Kefka ainda contém máquinas e soldados Magitek. Eles são mais poderosos do que os do império, provavelmente devido ao aumento dos poderes mágicos de Kefka e capacidade de dotar os outros com magia.

Os spoilers terminam aqui.

JogabilidadeEditar

Magitek é uma habilidade e um comando usado quando os personagens estão montando uma Armadura Magitek, substituindo o comando de ataque e comando Rage de Gau. Todas as habilidades Magitek são mágicas e a maioria são desbloqueáveis. Magitek é poderosa e não requer MP para usar, mas a gama de habilidades é restrita para a maioria dos personagens.

Final Fantasy XIVEditar

Imperial Vanguard Machina

Magitek refere-se aos dispositivos machina abastecidos por ceruleum, uma substância rara criada pela drenagem da energia dos cristais. Em Hydaelyn, os imperiais de Garlemald são os principais usuários de magitek. A maioria do povo garlean tem uma inépcia natural para o funcionamento da magia a ponto de não ser capaz de manipular naturalmente quaisquer éter, e assim superar a magitek já desenvolvida.

A tecnologia não é amplamente utilizada em Eorzea, mas está sendo lentamente adotada e vê-se um uso mais generalizado graças à Garlond Ironworks. Uma fusão entre a magitek de Garlemald e os carrinhos de mina de Ul'dah resultou em uma teia de caminhos de ferro que se espalha por toda a região de Thanalan. A Armadura Magitek teve seu primeiro uso militar durante a grande batalha de Carteneau. Os Kobolds estão usando cada vez mais dispositivos magitek, incluindo os clandestinamente "emprestados" dos garleans e, em seguida, modificados com a engenhosidade goblin (se é que pode ser assim chamada).

Apesar de algumas aeronaves serem abastecidas por ceruleum, elas não são referidas como Magitek.

Final Fantasy XVEditar

FFXV-Magitek-Generator

Gerador magitek em uma base imperial.

Ver também: Infantaria magitek, Núcleo magitek, e Motor magitek

O império emprega a magiteknologia na produção de vários aparelhos, entre eles a infantaria magitek, a armadura magitek, as aeronaves, e os fuzis magitek empunhados pela infantaria imperial. Niflheim usa magitek há séculos, apropriando-se da tecnologia da antiga civilização de Solheim, mas a tecnologia foi posteriormente desenvolvida por Verstael Besithia com a ajuda do Chanceler Ardyn Izunia para ser energizada com miasma. A produção em massa de magiteknologia requer enormes quantidades de petróleo e carvão, que o império obteve de Cartanica, uma cidade uma vez viva e repleta de combustíveis naturais.

O Magitek Exosuit é um traje que o jogador pode vestir que usa magiteknologia para imunizar o grupo contra danos.

Final Fantasy Type-0Editar

Magitek é o resultado do Motor C, tecnologia que suga a energia do Cristal do Tigre Branco. Foi desenvolvida por Cid Aulstyne, um engenheiro do exército Império de Milites. O império estreou a tecnologia de extração de energia do cristal, e desenvolveu a armadura magitek. O governo imperial instalou Motores C de alta potência em todo o estado para extrair energia do Cristal e a distribuíam para pequenos Motores C, que então usavam-na para gerar energia para as várias fábricas de armas imperiais. Como resultado, a magitek armadura pôde ser produzida em massa.

Final Fantasy Brave ExviusEditar

Magitek é uma tecnologia usada pelo Império de Zoldaad que foi adquirida através da cooperação do Imperador Sozhe com o Dr. Lazarov.


Impresario-ffvi-ios Esta seção está vazia ou precisa ser expandida. Você pode ajudar a Final Fantasy Wiki expandindo-a.

EtimologiaEditar

"Magitek" é uma palavra-valise formada pelas palavras "magia" e "tecnologia".

Dentro dos conceitos culturais japoneses, a maquinaria ocidental introduzida no final do século XIX gerou superstições. Alguns até viram máquinas como engenhocas sobrenaturais de demônios. Dentro da língua japonesa, o uso de ma, ou o on'yomi de 魔, significa não só "demônio", mas também refere-se a poderes de outro mundo. A palavra -goki é usada para contar máquinas e nomes de código de unidade de uma produção em série, mas às vezes é usada em trocadilhos dentro da ficção literária japonesa para mostrar a proximidade entre máquinas e demônios, pois seu homônimo pode significar "Grande/Forte Demônio".

Na série Final Fantasy, magitek combina magia e ciência.

No pensamento moderno contemporâneo, enquanto o uso da tecnologia derivada da ciência é natural em termos de física, o resultado da aplicação tecnológica pode não ser compatível com os fenômenos do mundo natural. Embora isto desenhe uma linha embaçada, alguns resultados destes campos são por vezes vistos como não naturais, e para beneficiar a humanidade a qualquer custo. Aplicar a magia a essa interpretação e pensamento da tecnologia consolida a busca desenfreada do controle do mundo natural apenas para a satisfação do homem, mostrando uma aplicação antagônica.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.