FANDOM


Esse artigo foi marcado como incompleto, você pode ajudar expandindo ele.


O chanceler Ardyn Izunia é o principal antagonista de Final Fantasy XV. Ele aparece no longa-metragem Kingsglaive: Final Fantasy XV e lida com as políticas do Império Niflheim servindo como diplomata para o Imperador Aldercapt. Responsável pela expansão da infantaria de Verstael Besithia, Ardyn é um homem astuto e bem-humorado.

Ardyn deveria ser o primeiro rei de Lucis, mas negou-se a assumir o trono e se tornou imortal como castigo por suas impurezas. Vive uma existência conflituosa entre condenar o mundo continuando a viver, ou procurando uma maneira de morrer para buscar a paz na vida após a morte.

Ardyn terá seu próprio episódio de DLC em 2019 sob o titulo de "O Conflito do Sábio".

Perfil Editar

Chanceler de Niflheim. Ardyn subiu ao poder introduzindo a infantaria magitek nas fileiras do exército imperial e desde então acumulou poder político ao lado do imperador. Modos indiferentes o encobrem em mistério
— Descrição Oficial

Aparencia Editar

Ardyn-Izunia-KGFFXV

Ardyn

Ardyn é um homem de meia-idade com cabelos ruivo-violeta, olhos cor de âmbar e fortes traços faciais. Ele veste um longo casaco preto que tem um acabamento branco e cinza e calças combinando. Usa um lenço vermelho e um manto branco e cinza. Ardyn usa um chapéu preto e às vezes usa um acessório preto no braço esquerdo. Ele é a única pessoa notável que representa o império se vestindo de preto em vez de branco.

Quando sua verdadeira identidade é revelada, o rosto de Ardyn às vezes parece demoníaco e grotesco. Sua esclera fica preta, suas íris e pupilas se tornam douradas, sua pele fica mais pálida e marcas pretas aparecem em seu rosto.

Personalidade Editar

Possui uma personalidade excêntrica, é ao mesmo tempo educado e extravagante. Ardyn é ousado e manipulador; ele permanece civilizado, mesmo em frente de hostilidades e faz isso talvez até como maneira de intimidar e irritar. O gestos de Ardyn são performativos, e suas expressões e movimentos são exagerados. De comportamento imprevisível, apesar de aparentemente amigável, Ardyn permanece casual e imperturbável pelo mundo ao seu redor.

A crueldade de Ardyn aumenta até que sua verdadeira personalidade seja revelada: ele é perverso, sádico, vicioso, calculista e distorcido. Ele usa sua influência sobre o império para realizar seus objetivos.

Etimologia Editar

Ardyn deriva do latim ardēns que significa ardente, e também resplandecente, brilhante, e apaixonado. "Ardyn" é também uma grafia alternativa de "Arden", o nome de uma floresta usada como local escrito por William Shakespeare em várias de suas peças.

Izunia é homofônico em japonês com "está próximo", também soa similar à palavra iizuna, o nome japonês para a a espécie doninha-anã.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.